World Divisions

South American

Educação Adventista em um Projeto Social

No início de 2000, começamos um novo desafio missionário na cidade de Olímpia, no Brasil. Nosso sonho era iniciar não apenas uma escola de educação infantil em um bairro em situação de vulnerabilidade social, mas uma unidade educacional que possibilitasse o desenvolvimento harmônico das áreas física, mental e espiritual (Ellen G. White, livro Educação, p. 13).

Com as bênçãos de Deus inauguramos uma escola com amplas e modernas instalações, cozinha, refeitório, pátio com jogos lúdicos, playground, com três quadras esportivas e horta, tudo acomodado em 7.000m². Mais que apenas o espaço, a ideia era oferecer aos pequenos a educação adventista em um projeto social 100% gratuito aos estudantes.

Aos sábados, no templo que fica ao lado da escola funciona uma igreja adventista e nossos alunos são convidados a participar de uma classe de estudos da Bíblia especial. No último sábado de cada mês, os familiares e alunos são convidados para um culto especial com o tema sobre a educação cristã.

This slideshow requires JavaScript.

Por atendermos apenas crianças entre quatro e seis anos de idade, a cada ano se renova 50% dos alunos (Educação Infantil) e até parece, com raras exceções, que o perfil histórico de cada um se repete – família desestruturada com antecedentes de drogas, envolvimento com o crime, presidiários, bebida alcoólica, órfãos de pais vivos, filhos de mães solteiras e pais desconhecidos.

Por isso, a maioria dos alunos que recebemos chegam sem domínio próprio, violentos e estampam no rosto as marcas do abandono, revolta, desnutrição e desamor.  Não aceitam conselhos, advertências e muito menos frutas, legumes ou verduras, pois nunca experimentaram tais coisas. Tínhamos uma certa noção de que enfrentaríamos um grande desafio; mas, confesso, a realidade superou todas as expectativas.

Após alguns anos de trabalho é inacreditável a diferença. No final do biênio, as crianças estampam no rosto a alegria contagiante de um corpo saudável e a mente arejada. Cumpriram integralmente as exigências curriculares e também através de historias, encenações teatrais e hinos, aprenderam princípios e valores cristãos.

Ao final de cada ano de atividades, as crianças participam de uma apresentação musical com temas natalinos. Familiares, autoridades e colaboradores são convidados para participar desse momento que também é formatura de alguns que deixam a educação infantil e passam para o ensino fundamental. Para marcar a festa, as crianças recebem presentes como bolas, bonecas e carrinhos – já que para muitas este será o único presente de natal que vão receber.

Quando se formam e vão para escolas públicas de educação fundamental, alguns aos sábados ainda retornam para visitar as professoras. Entretanto, a grande maioria se distancia; mas, com certeza, levam consigo informações que serão decisivas ao seu futuro.

Que ministério lindo é a educação. Formação através da informação e exemplo. É altamente satisfatório viver esse momento na história de vida dessas crianças. Não sabemos o que cada uma delas escolherá no futuro próximo de sua adolescência e juventude. Só sabemos que sementinhas da virtude cristã foram semeadas e, a seu tempo, germinarão e frutificarão. “Na certeza de coisas que se esperam, convictos de fatos que não se veem” (Hebreus 11:1), já aguardamos o Dia do Senhor para rever esses nossos amados pestinhas.

Latest posts by João Carlos Nazareth (see all)


Leave a Comment

We welcome and encourage constructive, respectful and relevant comments. We reserve the right to approve comments and will not be able to respond to inquiries about deleted comments. By commenting, you agree to our comment guidelines.

Your email address will not be published. Required fields are marked *